família passando tempo junta, dando de mamar à filha bebê enquanto a filha criança fotografa os pais com o celular

25 dicas práticas de como passar mais tempo com os filhos

Muitos pais e mães ficam presos na ideia de trabalhar muito para dar um futuro melhor para as crianças. Mas o presente importa muito mais! Por isso que aprender como passar mais tempo com os filhos é uma das melhores habilidades que você pode desenvolver. 

Sabemos que nem sempre a situação está sob nosso controle. Mas com boa organização pessoal, é possível superar (ao menos em parte) o problema da falta de tempo dos pais com os filhos.

Precisa de muita dedicação e de abrir mão de alguns momentos a sós. Mas a recompensa é incrível: você não perderá os melhores sorrisos do seu filho ou filha. 😊

Se você já tentou e não conseguiu, não desanime. Pesquisar sobre o assunto já mostra que você é um pai ou mãe incrível, e você agora chegou ao lugar que tem as dicas certas!

8 dicas para organizar a rotina e ter mais tempo com os filhos

O primeiro passo para passar mais tempo com os filhos é organizar a rotina.

Não dá para aumentar a quantidade de horas no dia, mas dá para ser mais produtivo e ter mais tempo livre. 🧠

Controle seus horários

Organize todas as atividades da sua rotina, sejam elas de trabalho, estudo ou lazer. O domingo ou a segunda-feira de manhã são bons momentos para fazer esse planejamento.

Tente fazer o seguinte:

  • Definir as atividades mais importantes de cada dia. 
  • Entender quais são as janelas de tempo disponíveis, como horário de almoço do trabalho.
  • Combinar a sua agenda com a dos seus filhos.
  • Veja quais tarefas pode fazer junto dos filhos – cozinhar, limpar a casa, ir ao supermercado etc. 

Fazendo isso, a tendência é liberar tempo na agenda para passar com as crianças. Depende muito de cada família, mas vale a pena tentar! 

Existem várias formas de fazer isso. Eu uso o Google Calendar para organizar os eventos do meu dia.

Conheça a rotina do seu filho

Acredite, o dia do seu filho também é muito corrido e cheio de atividades. Tente organizar o seu dia em torno dos momentos em que os dois estão livres.

Existem muitas formas de fazer isso. Veja se alguma destas sugestões se encaixa pra você:

  • Conversar com o chefe para começar 1h mais cedo no trabalho para poder jantar junto.
  • Ou começar 1h depois, para ficar até mais tarde brincando. 
  • Colocar as atividades extracurriculares das crianças no horário do seu trabalho.
  • Definir a hora do seu filho brincar com os amigos durante o seu expediente.

Assim, ao invés de “brincar quando dá tempo”, você organiza todas as outras atividades em volta do tempo com o seu filho. Afinal, a prioridade é ele né? 🥰

Descubra o que toma seu tempo

A falta de tempo dos pais com os filhos tem várias causas, e cada uma delas têm soluções específicas. Vejamos algumas das mais frequentes e o que fazer em cada caso:

  • Procrastinação: comece pelas tarefas mais rápidas e elimine distrações.
  • Volume de tarefas: defina as prioridades, delegue o que não é tão importante, peça ajuda para os afazeres de casa para o seu cônjuge ou pras crianças. 
  • Demandas de trabalho fora de hora: se possível, desligue o celular ou não abra o email do trabalho fora do horário de expediente.
  • Desânimo ou ansiedade: converse de forma sincera com alguém de confiança ou procure ajuda profissional de um terapeuta.

Infelizmente, nem sempre dá para resolver por conta própria. Mas saber qual é a razão da falta de tempo é o primeiro passo para solucioná-la. 💪

Traga os seus filhos para o seu mundo

Rafael Ito, pai e bancário, transforma as atividades cotidianas em brincadeiras para passar tempo de qualidade com as crianças.

Algumas aventuras são brincar com a água enquanto o pai lava o carro. Ou fazem uma caça ao tesouro quando vão ao supermercado.

Tem várias outras ideias do tipo, como cantar no carro quando ficarem presos no trânsito, ou conversar enquanto lavam a louça.

Às vezes são atividades rápidas, mas que valem muito a pena. Mas isso só é pra ser feito com atividades que você tem que fazer.

Mais vale 1 hora de total atenção aos pequenos, do que um dia inteiro onde nossa atenção é dividida entre eles e nossos celulares.

Rafael Ito, pai de dois meninos.

Aproveite os finais de semana

A maioria dos pais não trabalha e as crianças e adolescentes não têm escola nesse dia. Então torne estes momentos especiais! Pense neles como um ritual. 

Sábado pode ser o dia do cinema, o dia da pizza, o dia de almoçar junto, ou o que mais vocês quiserem.

Variem as atividades para não enjoar, mas lembrem sempre que naquele dia e horário é para passar junto com a família. Vai virar rotina, e uma bela memória pros seus filhos. Ao assistirem um filme num sábado a noite, lembrarão de você e desses momentos que passaram juntos.

Peça ajuda

Se você tem alguém de confiança por perto, peça ajuda quando a rotina apertar. Podem ser seus pais, sogros, ou amigos próximos.

O ideal é que essas pessoas deem um suporte nas tarefas de casa. Assim sobra mais tempo para brincar ou fazer um programa diferente com o seu filho de vez em quando.

Mas lembre-se de não exagerar nos pedidos. E de estar disponível quando a pessoa precisar de você também. 

Terceirize tarefas

Quando puder, contrate um prestador de serviços para resolver problemas inesperados que tomam o seu tempo. 

Por exemplo:

  • Chuveiro ou pia deram problema? Chame o encanador ao invés de sair para comprar a peça e consertar sozinho.
  • O tempo está curto para cozinhar? Peça uma pizza.
  • Precisa ir ao mercado, mas tem muito trânsito agora? Compre por aplicativo.

Sai um pouquinho mais caro, mas se tiver condições, faça de vez em quando. Caso não possa, tente envolver seu filho nas atividades que não forem perigosas, mesmo as que parecem chatas!

Repense seus horários de sono

Pense se você pode acordar mais cedo ou dormir mais tarde. Faça a seguinte reflexão: você precisa dormir mais, ou quer dormir mais?

Se precisa, então não mexa nos horários de sono. Mas muitas vezes passamos tempo demais na cama sem estarmos ativamente tentando dormir, mexendo no celular, por exemplo.

Se possível, tente acordar pelo meia hora mais cedo todos os dias. No final da semana, você terá aproveitado 3 horas e meia a mais com seus filhos. 🤯

Mas faça com cautela. Dormir é muito importante e você precisa de descanso para lidar com a rotina e para dar atenção aos filhos.

pais passando tempo juntos brincando com filhos bebês na cama, com caixas de brinquedo em cima do colchão

8 dicas de como dar atenção aos filhos para pais que trabalham demais

Se você trabalha muitas horas por dia, aprender a organizar o tempo é ainda mais importante.

Alguns tipos de trabalho são melhores para passar tempo com as crianças. Por exemplo os remotos, ou em contrato freelancer.

Se não é o seu caso, você precisa aproveitar ao máximo as horas fora do expediente. 

👇 As dicas abaixo podem ajudar nisso.

Concentre-se nas tarefas que importam

Tem muitas tarefas que tomam tempo, mas não são tão importantes. Como limpar a caixa de e-mails ou checar com frequência se os colegas mandaram mensagens novas.

Fazer isso é importante, mas isso pode consumir mais tempo do que o necessário, sem você perceber.

Se você definir bem as suas prioridades e se concentrar nelas, o trabalho será menos cansativo. E talvez consiga até fazer pequenas pausas para uma brincadeira rápida, se trabalhar em casa. 😉

Uma ótima dica é começar o dia pelas tarefas mais importantes.

Conecte-se com seus filhos mesmo à distância

Nem sempre resolve a falta de tempo dos pais com os filhos, mas renova as energias para o expediente. 

Mande uma mensagem de bom dia quando chegar ao trabalho. Durante o almoço, tente fazer uma ligação em vídeo.

Quando for ao banheiro ou beber água, grave um áudio cantando uma música e envie para ele. E durante as janelas de tempo, veja as reações e respostas deles.

Além das mensagens e ligações, deixar fotos deles no ambiente de trabalho ajuda a lidar com a sensação de culpa por não ter tanto tempo.

Às vezes o trabalho sobrecarrega, então é importante lembrar porque você está lá.

No primeiro quadro, a placa diz "Não esqueça: você está aqui para sempre". No segundo, Homer transformou em "Faça isso por ela" colando fotos da filha por cima de algumas letras.
No primeiro quadro, a placa diz “Não esqueça: você está aqui para sempre”. No segundo, Homer transformou em “Faça isso por ela” colando fotos da filha por cima de algumas letras.

Elimine as distrações

Quando estiver trabalhando, tente manter o foco para ter máxima produtividade.

Assim você consegue cumprir suas atividades e fazer pausas, sem ficar com a sensação de que deveria estar fazendo algo.

Uma técnica muito usada é o pomodoro. Basicamente, você intercala momentos de foco absoluto com pausas para relaxar. Por exemplo, 45 minutos trabalhando longe do celular e sem checar o e-mail, e 15 minutos de distração/descanso.

Fora isso, vale a pena desligar o celular, colocar no modo “não perturbe”, ou desativar as notificações das redes sociais.

Defina as suas prioridades

Aqui não falo apenas do trabalho, mas da vida em geral. Tire algum tempo para refletir sobre isso toda semana ou todos os meses. Pense nos seguintes pontos:

  • O que você quer fazer: passar mais tempo com os filhos, cuidar da casa, visitar seus pais, e entregar um projeto importante do trabalho, por exemplo.
  • Quanto tempo cada atividade demanda: assim você consegue entender se o equilíbrio entre vida pessoal e profissional está ok.
  • Necessidade financeira: quanto custaria seguir essas prioridades?

Esse autoconhecimento te ajudará a tomar decisões. Talvez você precise desligar o celular fora do horário de expediente para dar conta de tudo. Ou dividir as tarefas de casa com seu parceiro.

E talvez perceba que é melhor não aceitar uma promoção, ou trabalhar apenas em meio-período. Vale a pena ler esta reflexão interessante feita por Marco Piangers, palestrante e autor de livros sobre paternidade.

Saia do “modo trabalho” para o “modo família”

Limite os horários em que você trabalha ou pensa sobre o emprego. Isso pode ser mais difícil do que parece, especialmente se você trabalha de casa. 

Tenha um local específico da casa para usar como escritório. Assim, você ensina o seu corpo que sair desse lugar significa que não é mais para pensar em nada do trabalho.

Ou então troque de roupa assim que terminar o seu turno. Tome um banho bem relaxante, ou saia para uma caminhada rápida.

O objetivo desses rituais é ensinar ao corpo que o período de trabalho acabou. E que agora, seu tempo é todo seu e da família.

Se você tem horário fixo, evite atender ligações de colegas ou checar e-mails fora do horário de trabalho. E se não tem horas definidas, defina o momento da família e respeite-o ao máximo.

Volte a pensar em trabalho apenas se for uma emergência de verdade.

Organize a manhã com antecedência

Depois que os filhos dormirem, organize tudo o que precisaria fazer de manhã: separe as roupas, faça os lanches, arrume as mochilas e tudo o mais. Dependendo da idade das crianças, envolva-as também nesse processo.

Assim o tempo de se arrumar se torna tempo de qualidade na companhia deles.

Podem assistir a algum vídeo juntos, conversar sobre o que vão fazer no dia, combinar o que vão jantar, ou fazer depois do trabalho e da escola. 

Peça ajuda nas atividades de casa 

Fazer tarefas de casa pode ser chato para algumas pessoas. Mas se fizerem juntos, este momento fica muito mais divertido!

Conversem sobre o dia, contem histórias, conversem sobre as aulas e os amigos do colégio, ou o que mais der na cabeça.

Pode ser ajudando a fazer a comida, arrumando a mesa, lavando a louça ou arrumando a sala.

Não se culpe

Seu filho não é infeliz porque você trabalha demais. Ele preferia passar o tempo com você, mas não estar presente durante muitas horas do dia não te torna um pai ou mãe ruim.

Até porque, se pudesse, você certamente teria mais horas do dia só para ele.

Se tiver pelo menos 1 hora de qualidade todos os dias, já está ótimo! 💪

pai segurando a filha no colo e beijando no rosto

8 ideias de como passar mais tempo com os filhos (independente da idade deles)

Tempo de qualidade é quando você dedica atenção total às crianças.

Se você estiver imerso no universo dos seus filhos, sem se deixar levar pelo trabalho ou pela vida adulta, vale a pena independente da atividade. 

Você pode adaptar essas sugestões para crianças e adolescentes. Elas são simples, rápidas e não custam quase nada.

Ajudar com a lição de casa

Fazer a lição sozinho pode ser chato ou difícil. Mas se você ajudar, fica mais leve.

Além disso, é uma ótima forma de acompanhar o desenvolvimento escolar e demonstrar interesse pelo que ele faz. 

Noite da família

Crie momentos para brincadeiras ou atividades lúdicas. Dê bastante autonomia para eles escolherem o que querem fazer.

  • Noite de jogos de tabuleiro. 
  • Puxem os móveis para o lado e façam uma noite de dança ou de karaokê. Continuem juntos para arrumar tudo! 
  • Fazer pipoca para assistir a um filme ou alguns episódios de uma série.
  • Fazer as brincadeiras do cotidiano mesmo – carrinho, boneca, lutinha, ou o que mais gostarem.
  • Brincar de jogos das outras gerações, como amarelinha, pular corda, batata quente, entre outras.
  • Praticar algum esporte no jardim.
  • Dar uma volta no bairro. 
  • Jogar videogame juntos. Pode ser um jogo do momento, ou um jogo da infância dos pais. 
  • Escolher uma receita e cozinharem juntos.
pai, mãe e filhos preparando pizza no balcão da cozinha

A hora das refeições

Curtir o café da manhã, almoço e jantar são excelentes formas para passar mais tempo com os filhos.

Tente organizar a rotina para toda a família fazer as refeições juntas. Se não puderem ser todas, tente pelo menos uma. 

Para que esse tempo seja realmente de qualidade, desliguem os celulares. No máximo, deixem algum vídeo ou televisão ligada no fundo. A atenção deve estar nas pessoas.

Antigamente, muitas famílias tinham o ritual de jantar, assistir ao Jornal Nacional e ficar juntas para assistir a novela. Essa pode ser uma inspiração para você. 😉

Projetos em comum 

Pode ser qualquer atividade em que vocês compartilhem um objetivo em comum.

Depende muito dos seus gostos, mas algumas sugestões são:

  • Praticar algum instrumento musical.
  • Cuidar de uma horta. 
  • Fazer algum tipo de trabalho com madeira.
  • Aprender pintura ou escultura.
  • Praticar um esporte. 
  • Passar de fase em algum jogo muito difícil.
  • Montar um quebra-cabeças bem complicado (aqui tem dicas de vários quebra-cabeças infantis). 

Praticar esportes

Além de ser saudável, praticar esportes também fortalece os laços. É um ótimo momento para conversar, entender melhor os gostos um do outro, superar limites, e estarem sempre evoluindo juntos.

Pode ser uma caminhada pelo bairro, uma volta de bicicleta ou jogar bola no parque.

Fazer alguma atividade física dentro de casa ou no quintal também é bom. Mas é bom quebrar um pouco a rotina e ver as paisagens da rua também, principalmente da natureza.

Noite do filme

Se possível, separem um tempo para assistir um lançamento no cinema. O tempo de qualidade começa no caminho e só termina na volta para casa.

Vocês terão tempo de conversar no carro, passear no shopping, assistir ao filme e comer juntos.

Se o cinema estiver caro, façam uma sessão de cinema em casa. Escolham alguns filmes ou séries e assistam juntos. Apaguem as luzes, desliguem os celulares e curtam apenas o filme e a companhia.

Cuidar do seu filho também pode ser especial

Se o tempo está curto, aproveitem cada minuto ao máximo. Inclusive durante a rotina! Por exemplo:

  • Na hora de colocar para dormir, conte uma história, dê abraços e beijos na criança, ou faça massagens.
  • Faça palhaçadas na hora de escovar os dentes (mas sem atrapalhar demais a higiene 😅).
  • Brinque de pique-pega dentro de casa mesmo, antes do banho.
  • Desenhe com a criança depois de fazer a lição de casa.

Para os adolescentes, tente se conectar fazendo perguntas interessantes. Demonstre um interesse sincero, mas deixe que seu filho conduza a conversa.

Pergunte sobre os amigos, como está a escola, ou as paqueras. Mas vá além: mostre interesse em seus hobbies, peça para ele contar mais, proponha alguma atividade relacionada, e assim por diante.

Faça pequenos passeios

Envolva seu filho em todos os programas, mesmo que eles sejam triviais, como comprar pão, ir na feira, ou ir ao caixa eletrônico. Se você tiver que fazer, pergunte se o seu filho quer ir junto.

Você pode achar que ele não terá interesse porque são atividades “entediantes”. Mas tem grandes chances de ele gostar só por causa da sua companhia. 😉

Dica extra: assine O Tomo dos Pais

Deixei o jabá para o final. 😂 

Mas é uma propaganda com muito propósito: O Tomo dos Pais foi criado justamente para te ajudar a passar mais tempo com os filhos. 

Ele é um serviço por assinatura com recomendações de alta qualidade e 100% personalizadas para a sua família e com um preço acessível para todo mundo.

Todas as semanas você recebe um e-mail com recomendações de atividades para fazer juntos. Então nunca faltarão novidades na rotina e você economizará muito tempo no planejamento.

Clique aqui para conhecer melhor, assinar e tornar a vida dos seus filhos épica! 🧙‍♂️