Mãe e adolescente abraçadas e sorrindo no parque, representando o conceito de filha que gosta dos pais

Como fazer minha filha gostar de mim? Ainda dá tempo?

A rejeição de uma filha é o maior medo de muitos pais ou mães. A boa notícia é que na maioria das vezes isso não acontece. Mesmo que sua filha pareça distante, não seja carinhosa, ou até já tenha dito que te odeia, na verdade ela gosta de você.

Às vezes é só uma fase (a adolescência é famosa por isso), ou ela teve uma decepção que não foi totalmente reparada, ou está descontando em você os sentimentos que está sentindo e que ainda não aprendeu a lidar.

Seja qual for o caso, neste texto você aprenderá como fazer sua filha gostar de você. Muitos pais sentem que suas filhas não os amam o suficiente. E, mesmo se esse for o caso, nunca é tarde para mudar.

Inclusive, se interessar em fazer sua filha gostar de você já mostra que você tem vontade de ser melhor para ela. 👏

Espero que este post ajude a tranquilizar e dar uma direção do que fazer daqui em diante.

Por que que a minha filha não gosta de mim?

Não tem como responder com certeza porque cada relação é única. Várias situações podem estar acontecendo:

  • Você não consegue demonstrar tanto carinho, então sua filha sente sua falta.
  • Vocês estão distantes – fisicamente, por falta de tempo, ou porque têm interesses muito diferentes.
  • Talvez você exija demais dela, em questão de notas, comportamento, atividades extracurriculares, etc.
  • Ela pode estar sentindo pressão para atender às suas expectativas.
  • Dependendo da idade, pode sentir que você está a julgando ou criticando demais.
  • Ela pode ter sentido falta de apoio em algum momento e vocês ainda não resolveram totalmente essa questão.

E ainda existe a possibilidade de ser tudo coisa da sua cabeça. Talvez você esteja confundindo os altos e baixos naturais com o sentimento de “minha filha não gosta de mim”. 

Acredite, essa insegurança é mais comum do que parece, principalmente entre os pais de primeira viagem.

Aliás, se você gosta de comédia, recomendo assistir Um Maluco no Pedaço. É uma série muito divertida, que passa mensagens bacanas, e mostra de uma forma bem realista alguns desafios da relação com os filhos.

O trecho abaixo é um bom exemplo: fala sobre as diferenças entre pais e filhos e a importância de respeitá-las. Quando isso não acontece, a impressão que fica é que não se gostam, mas isso não é verdade.

A cena é com o Will e o Tio Phil, mas nesse caso a lógica é a mesma para meninos e meninas. Será que você e sua filha são assim? 🤔

Como lidar com a rejeição dos filhos?

Concentre-se em transformar a situação, não nos pensamentos negativos. Se esforce para entender as causas, discutir a situação e pensar em um plano de ação. Os passos abaixo são a base para fazer sua filha gostar de você:

Identifique a causa do problema

Se não souber por onde começar, veja se alguma situação do tópico anterior está acontecendo na sua casa. Caso não seja nenhuma, reflita sobre o passado: será que você fez algo de errado?

  • Foi muito duro em alguma crítica?
  • Deixou de ir em alguma apresentação importante da escola?
  • Esqueceu aniversário?
  • Foi insensível com alguma preocupação dela?

Se ainda assim não tiver ideia, converse com ela. Tente não perguntar diretamente, mas procure entender se tem algo que está a deixando insatisfeita no momento. Veja se você tem responsabilidade ou se consegue amenizar de alguma forma.

A partir daí fica mais fácil descobrir como fazer sua filha gostar de você. 

Não mude a relação com sua filha

Mesmo se sentir que ela não gosta de você, não mude o seu amor por ela. Procure apoiá-la de forma incondicional ainda assim. Se mostre aberto ao diálogo e demonstre o carinho.

A rejeição é incômoda, mas é reversível desde que você não desista. Não deixe o sentimento ruim te vencer.

Não mude sua relação consigo mesmo

Concentre-se em melhorar o relacionamento com sua filha. Exercite a autoconfiança, não esqueça que todos erram, e que nunca é tarde para corrigir.

Pais e mães não são perfeitos!

Reflita e, se por alguma razão você achar que não está dando os seus 100%, mude o quanto antes.

Entenda seus sentimentos 

Não tente ignorar os sentimentos ruins, ou fingir que eles não importam. Se precisar, se abra com seu parceiro ou parceira, com amigos, na terapia, ou com outros pais que você confia.

Outra boa estratégia é escrever sobre os seus sentimentos. Faça isso quando estiver triste, coloque tudo para fora e depois jogue o papel fora. Acredite, isso funciona de verdade!

Se sentir que não está conseguindo lidar com tudo que está acontecendo, pode ser interessante procurar um psicólogo.

Não se compare

As “famílias de comercial de margarina” não existem. Filmes, séries e redes sociais geralmente mostram a realidade como ela é de verdade.

Você pode até assistir e se inspirar nelas, mas não as tome como exemplos absolutos, ou sequer se compare com elas.

Na verdade, não vale a pena se comparar nem com amigos ou conhecidos. Cada família é de um jeito. 🤷‍♂️

Como fazer para minha filha gostar de mim?

Encontre o equilíbrio entre se mostrar presente e dar espaço para a sua filha. 

Tem várias formas simples de fazer isso: passando tempo de qualidade junto, ouvindo o que ela tem a dizer, genuinamente se interessando pelos gostos, ou demonstrando carinho.

A lista abaixo tem várias ideias para colocar em prática e fazer sua filha gostar de você. Em geral elas funcionam bem para todas as idades. 

Mas para descobrir quais são mais eficazes, primeiro você precisa descobrir porque ela não gosta de você.

Encontre tempo

O primeiro passo é ter tempo para passar com sua filha. Provavelmente você já tem esse tempo, mas não está se organizando direito para aproveitar junto. Algumas dicas rápidas:

  • Estabeleça uma rotina e organize sua agenda. 
  • Adapte seus horários para combinar com os da sua filha.
  • Elimine as distrações.
  • Façam as tarefas de casa e as refeições juntos.

Aqui no blog tem um post que fala só de formas de ter mais tempo livre. Recomendo muito a leitura!

Demonstre interesse

Conheça os gostos da sua filha e mostre que você se importa. Talvez sejam diferentes dos seus, ou você nem entenda, mas não importa: apoie mesmo assim.

  • Se ela estiver ouvindo música, pergunte qual banda é. Qual o estilo, quem são os cantores, e se tem clipe. Tente aprender um pouco da letra, cante quando ela estiver ouvindo novamente.
  • Se ela estiver brincando, pergunte qual a brincadeira e se pode participar. 
  • Se ela estiver lendo, pergunte qual é o livro, do que fala a história, se tem outros dessa série, e se ela acha que você vai gostar.

Convide para um programa a dois

Façam um passeio no shopping, assistam a um filme em casa ou no cinema, saiam para o parque, qualquer coisa. 

Diga que está com vontade de fazer algo diferente e a convide para ir junto. Se ela não quiser, não insista, mas diga que se ela mudar de ideia, é só te chamar. 

Não tente comprar o carinho dela com presentes caros ou passeios super especiais. Ela pode achar que você está forçando a barra. Use a oportunidade para conhecê-la melhor e fugir um pouquinho da rotina.

Faça companhia nas atividades cotidianas

Tem várias atividades “de sempre” que ficam mais divertidas se fizerem juntos:

  • Lição de casa.
  • Qualquer tipo de brincadeira.
  • Jogar videogame.
  • Cozinhar.
  • Praticar algum hobby.

Escrevemos um outro post com mais dicas e formas de passar tempo de qualidade junto com sua filha:

Se ela não quiser, respeite e tente de novo em outra oportunidade, mas não convide sempre para fazer a mesma coisa, afinal, sua filha pode simplesmente não gostar desse tipo de atividade, ou prefere faze-la sozinha.

Incentive os talentos e hobbies

Apoie sua filha a evoluir sempre. Elogie, celebre as conquistas, mas principalmente o esforço, e estimule o crescimento dela. Por exemplo:

  • Se ela gosta muito de um grupo de k-pop, pesquise e apresente novos. Ou outro estilo de música parecido.
  • Se ela joga futebol, assista um jogo e elogie no final.
  • Se ela gosta de desenhar, cole as obras de arte na geladeira ou num mural. 
  • Se ela toca algum instrumento, pare para ouvir.

São as pequenas ações que fortalecem o vínculo e fazem a sua filha gostar de você.

O vídeo abaixo é um exemplo claro – está em inglês, mas dá para captar a mensagem mesmo sem entender o diálogo. 🎷

Demonstre o amor

Mesmo se você achar que sua filha não gosta de você, diga eu te amo, sem esperar ouvir de volta. Elogie, abrace e beije. Comece devagar até entender quais são os limites dela. 

Diga as palavras certas

Toda menina precisa ouvir isso, independentemente da idade:

  • Eu te amo.
  • Você é perfeita assim.
  • Tenho orgulho de você.
  • Estou aqui sempre que você precisar.
  • Me conta mais. 
  • Me desculpa.
  • Eu também sou assim e está tudo bem.
  • Você é muito importante pra mim.
  • Sim, você consegue.
  • Eu te desculpo, não se preocupe.

Converse sempre (e ouça muito)

Esta é uma das principais dicas para fazer sua filha adolescente gostar mais de você. Falem sobre tudo o que sua filha quiser. Ouça com atenção e faça perguntas sinceras. 

Contribua, mas deixe que ela conduza a conversa. Tente não forçar assuntos, e torne esses momentos em um hábito.

Se tem dúvidas de como começar, tente isso:

  • Conheça os gostos dela e pesquise antes. Assim você fará perguntas inteligentes, que demonstram o seu esforço.
  • Se os gostos forem muito diferentes, peça para ela te explicar sobre os assuntos.
  • Se ela te contar um problema, pergunte do que ela precisa. Se é só ouvir, um abraço, um conselho, etc.
  • Se não souber como começar a conversa, pergunte como foi o dia ou como está a escola. 
  • Pode contar algo do seu dia também, mas sem muitos detalhes. Use essa história como quebra-gelo e desenrole a partir daí.

Admita seus erros

Os pais também erram, não tem problema, mas sua filha precisa saber

Se você sentir que está em falta em algum momento, chame sua filha para conversar, explique o seu lado e peça desculpas a ela. Isso fortalece a ideia de que a relação de vocês é de parceria e que confia no julgamento dela.

Pai orgulhoso da filha andando de bicicleta sozinha, acompanhando de perto

Demonstre confiança

Você precisa falar que confia mas precisa principalmente demonstrar com ações. Por exemplo: 

  • Se ela quiser cortar o cabelo diferente, diga que está tudo bem e pergunte se quer que leve até o salão.
  • Se comprar uma roupa diferente, elogie o estilo.
  • Se ela contar que está gostando de um menino ou menina, dê alguma dica de passeio legal.
  • Se ela fala muito do namorado ou namorada, convide para jantar. 
  • Se ela está praticando algum esporte, passe uma tarde treinando com ela.

Respeite o espaço dela

Não seja grudento. Esteja disponível quando ela quiser, mas deixe que ela tenha seus momentos sozinha ou com outras pessoas. Tome a iniciativa, mas não force nada. 

Infelizmente não tem dicas práticas de como fazer isso. Cada pessoa demonstra e recebe carinho de um jeito próprio, então você precisa conhecer bem a sua filha para saber até onde pode ir sem ser chato.

Isso é muito importante se a sua filha for adolescente. Se for o caso, busque o equilíbrio:

  • Não a deixe totalmente livre porque ela pode ter a sensação de que você não se importa com ela.
  • Nem prenda muito porque ela pode sentir que você não tem confiança nela.

Não é à toa que a adolescência é considerada uma fase complicada, né? 😅

A melhor maneira de lidar é com muito diálogo e comunicação aberta. Parece difícil, mas você pega o jeito rapidinho!

Conheça a fundo a sua filha

Cada pessoa tem um universo dentro de si e você precisa conhecer bem o da sua filha. 

Tenho duas recomendações:

  1. Acompanhe o blog do Tomo dos Pais para entender mais sobre o universo da sua filha – desde os temas de festa infantil do momento até mitos sobre videogame, aprender sobre o que está bombando nestas gerações, e tudo mais.
  2. Assine a nossa newsletter para receber dicas personalizadas para te ajudar a melhorar a relação, fazer a sua filha gostar de você, e a resolver qualquer outra dificuldade na criação da sua filha. 🤝

Espero que este post te ajude a fazer sua filha gostar de você! Se testar as ideias, comente aqui qual foi o resultado. Se tiver alguma dúvida, comente também e farei o possível para te ajudar.